CAMINHO SOBREMODO EXCELENTE!


CAMINHO SOBREMODO EXCELENTE!
...e eu vos mostrarei um caminho mais excelente. 
1 Coríntios 12:31

Uma conversa hoje com um amigo de longas datas me fez sentir tão bem, e isso pelo fato de estarmos diametralmente em caminhos diferentes. Nossos caminhos apesar de diferentes buscam o mesmo objetivo a conexão com o Criador, o amor que a tudo supera.
Longe de crer no jargão de que todos os caminhos levam a Deus, acredito que, o amor a Ele nos conduz. Deus é amor e Cristo deixou isso muito claro!

Agora dentre o círculo dos que se dizem crentes e amar a Deus, há tempo não vejo nas pessoas a vontade de pensar diferente ou dialogar, sem serem julgadas e discriminadas, por que será? Quanta intolerância, quanto julgamento que coisa horrível! Pregando o evangelho, alguns destes, tem feito mais inimigos do que atraído pessoas a Deus!  
A religião definitivamente não ensina a amar na pratica, ela é intolerante e há séculos vem trazendo muitos males ao homem.  Jesus é o caminho, porque o caminho dele foi o do Amor. A ninguém julgou, a ninguém discriminou, ao contrario estendia as mãos da receptividade a todo homem sincero e sedento. O amor dEle quebrou paradigmas religiosos da época ao ponto de ser odiado. Foi sua postura transcendente à da religião que o levou a morte.
Definitivamente Jesus não fundou nenhuma religião, ao contrario ele a destruiu na Cruz com sua morte, mostrando que o amor esta acima de qualquer expressão religiosa.
Uma pergunta: Amamos de fato e de verdade? Claro que esta não é uma resposta para ser dada a ninguém, pergunto para respondermos a nós mesmos!
A religião e a intolerância são para os meninos, para os que têm pensamentos e definições ainda pobres acerca de Deus. O amor é o caminho da excelência, o amor transcende a religião a crença, a doutrina e a toda forma ou fôrma que engessa o espírito. O amor é essência pura vinda de Deus, e é impossível estar cheio de Deus sem ter amor. É impossível estar cheio de Deus e ao mesmo tempo cheio de vingança, ódio, amargura e todos estes sentimentos expressos por muitos religiosos, sobretudo alguns que se dizem evangélicos.
Eu sem medo de ser mal interpretado não sei se me identifico hoje como evangélico, pois estes que assim se chamam esvaziaram de sentido a palavra. Vejo alguns evangélicos levantando bandeira de suas denominações muito mais do que a Cristo mesmo, eu não quero ofender ninguém nem generalizar tem muita gente boa que são e outros que não são evangélicos, mas quero dizer que creio firmemente que a hora de manifestar Deus puramente chegou, não há mais espaço para tanta baboseira, tanta empreitada sem sentido tanta briga religiosa, denominacional e teológica. Transpor a barreira do aparente e viver na pratica o que se crê deveria ser a busca de todo aquele que diz amar a Deus, do contrario estará enganando a si mesmo.

Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino. Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três, mas o maior destes é o amor.
1 Coríntios 13:11-13


Tenha coragem!
Nadir E. Heinrich


Previous
Next Post »

1 comentários:

Click here for comentários
Postar um comentário
Thanks for your comment